Manicure…

Sexta-feira, eu acordada desde as 6:30 – Mateus sai do quarto dele e faz questao de subir em cima da gente para dizer seu doce : Bom dia!! Desce correndo da minha cama e assim acordo: ja voando, saindo de pinote atras do menino!

Depois de ‘catar’ o Mateus, fecho a porta do banheiro – sim, para prende-lo mesmo – e escovamos os dentes, lavamos o rosto, etc e tal. Pensando: delicia de sexta-feira, ele tem escolinha – segundo dia! – e eu finalmente marquei uma mani e pedi pra mim,uau uauauauau! Esta sol, o dia sera lindooooo! Escolinha comeca as 8:30, mani as 9am. Vamos correr! Acordo a galera; preparo 3 lancheiras, cafe da manha, chamo, chamo e ninguem aparece, Mateus cade? Ja sumiu de novo, la vou eu! Clara senta a mesa e esta diferente, BEM diferente…ai eu vejo: Chapinha!!!!!!!!! Nooooo! Bom, nao adianta, melhor encarar a realidade e educa-la. Ai penso: quando chegarem da escola, hoje a tarde mostro o video do youtube daquela otaria daquela menina que perdeu um chumaco de cabelo fazendo chapinha kkkk vai ser otimo!

Julia vem para a mesa depois de horas, com uma cara de: ‘Nao olhem para mim que eu mordo’! Eu na minha, penso: nao vou dar muito papo pra essa galera hoje se nao nunca chego na minha mani!!

Clara sai  e penso: Ufa! Uma ja se foi so faltam mais 3 pessoas! Clara volta: ‘Minha amiga ja foi mae, voce tem que me levar…’ Eu, num grinto neandertal involuntario…’ Naooooooooooo, nao e possivel, eu ja estou ficando atrasada! Como, como vou levar voce? Olha bem pra mim!! Ainda de pijamas! (bem que eu queria ter escrito aqui: Ainda de babydoll preto!!! Mas, nao, eu estava de pijamao xadrez ainda, daqueles estilo: Eh Natal!). Bom, enfio uma roupa por cima da outra, entro no carro e ligo radio para desestressar. Esta tocando uma musica que eu gosto e aumento o volume, e, claro canto junto…a minha filhinha, sereia se transforma numa bruxa do fundo do mar e diz, ja vermelha: ‘Mae, pelo amor, abaixa esse som e para de cantar, para, agora, mae, para!’ – Eu canto mais alto, ainda fazendo gestos para ela ‘Never mind I will find someone like youuuuuuuuuuuuhuuuuhuhuuuuu!’ E ela desce do carro sem dar tchauzinho muito menos o ‘Love you, mom!’. Vai tonta, me pede para te levar a escola mais uma vez que eu vou cantar e ‘fuscao preto’ ! -Eu, pensando secretamente rs…

Chego em casa a Ju ja foi, e so falta o husband que ja esta sumindo. Bye, love you everyone, bye, byeeeeeeeee!

Mateus e eu e no carro rumo a felicidade e ele com cara de bravinho. ‘Eu falando: a escolinha e legal, tem brinquedos, tua teacher e linda, ela adora voce!’, e ele: ‘Nao!’

Bom, chega na escolinha Mateusao fecha o tempo geral. Eu com aquela pressa da bexiga, ele grudando em mim. As teachers todas olhando e eu olho pra elas como quem diz: ‘ Meu, voces estao esperando o que? Vem aqui pegar o menino de mim, hello?!’ – Serah que pensam que ele e o meu primeiro, ou talvez segundo filho? Ai por favor! Bom, deixo o Mateusao la sem do nem piedade – eu SEI que aquilo era so manha, e que ele vai superar essa dor, que e a dor necessaria de ‘growing up’/ crescer! 🙂

Maes, eu entendo que com o primeiro filho, quando isso acontece, so de voce ouvir aquele choro enorme, o seu coracao dilacera… voce chora tambem…porem toda crianca sobrevive e sem maiores sequelas! rs! Maes e filhos tem que se separar num certo ponto, para o bem dos dois. Claro, ha os casos em que a mae tem que deixar um bebezinho na escolinha, por mais de 8 ou 10hs… sinto muito por isso, pelas muitas lagrimas que as maezinhas derramam…

Chego na manicure! Faco pe e mao e…detesto tudo, como sempre… 😦  Tem sido cada vez mais dificil para mim, lidar com disparidades sociais. Nesse salao, a dona, uma americana, as manicures, asiaticas, o que e comum aqui. Elas mal falam ingles. A mocinha, lavou meus pes, passou uma mistura aromatica de sal grosso com rosas, massageou meus  pes, maos, e mal trocamos 2 palavrinhas. Eu me senti muito mal. Eu pensava: qual a grande diferenca entre eu e ela? Eu poderia fazer por ela o que ela esta fazendo por mim… E o mesmo fio de pensamento extende-se a meus ‘cleaners’, faxineiros. Eles vem em tres, o marido, a esposa e a sogra. Eu me sinto muito mal vendo uma senhorinha limpar meus banheiros por exemplo, ou, levar o lixo la para fora. Sao Mexicanos. Por que eu tenho o direito de poder dispor desse tipo de servicos? Uma coisa e voce entender como um sistema economico funciona, outra e voce aceitar e, ainda achar bonito.

Sair para tomar um hot chocolate, enquanto o Mateus esta na escola, tudo bem; almocar com uma amiga, tudo bem. Mas, nao e so ou tudo isso que me resta. Minha missao nesse mundo e muito maior que isso, eu creio.

De qualquer maneira, estou tao grata pelo breve descanso, tao esperado! Que todas voces tambem tenham suas horinhas de ‘me time’ e que, sejam horas prazerosas e de muita paz!

love,

Adri xxx

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s