Halloween!

My eldest one will be’ The Doctor’ (Doctor Who), my younger daughter will be beautiful – I do not know what exactly her costume is but she surely looks amazing in my black dress and her Viennese mask! And my little boy will either be a pirate or a candy corn, most likely a candy corn! All set!

No, wait, it is one day before Halloween and:

1.I have not bought sweets (candy) yet!

2.My Doctor Who does not have a shirt and the suspenders needed to go with the outfit, and she let’s me know about this, today!

3.My husband has business engagements tonight -meaning: I’m on my own on the above mentioned…

4.I have a hammering headache

5.I have started a business venture without having child care…

This will definitely be a month to remember!

Stay sane, don’t overdo it and remember: it is just Halloween…the biggest celebration of candy, costume and horrific decorations in America 😉 Seriously, I’ve seen stuff in front of people’s houses that made me tremble! As for me… I only do the cute stuff 😉 At least until I can get away with it, meaning; until my little boy is still too little to go out there and want to buy the SCream!

Happy Halloween!

Adri xxx

3 filhos!?!

Okay, ter 3 filhos e assim:
Nunca se tem tempo de sentar no sofa da sala e ficar la, so de bobeira com o marido (como minha Irma cacula me disse que estava hoje, depois que sua bebezinha de 8 meses foi dormir…). Nunca! Se voce chega a sentar, e no chao, dobrando as montanhas de roupas na sua lavanderia, ou ‘fazendo de conta’ que esta brincando com seu filhinho, quando na realidade, voce esta com a mente totalmente voltada a assuntos do tipo: ‘Minha sobrancelha nao e digna de ser chamada sobrancelha mas sim taturana!’, ou ‘Meu, espero que ninguem consiga ver esse pelao que to pegando aqui entre meus dedos bem debaixo do meu queixo, onde e que ta a minha pinca??, ‘Gracas a Deus que chegou o inverno e nao vai mais rolar perna de fora, porque a minha debaixo do lencol ja nao se sabe se e minha ou do meu marido!’. E por ai vai, naquele momento de ‘paz’ voce ali, se martirizando!
Mas, quando voce se senta a mesa de jantar, e ve aquela galera linda ali a sua volta, voce olha para o seu marido e pensa: estou bem, muito bem! Ai, no sabadao, se arranca cedinho, vai para o salao de beleza e tudo se corrige em menos de 1 hora! Pronto, ja esta linda, maravilhosa e pronta para voltar para casa e encarar uma pia, um aspiradorzao de po, e um povo pedindo sua atencao; todos ao mesmo tempo! rs! E assim caminhamos, juntinhos, entre panico a paz sabendo que na vida tudo passa, mas uma ‘awesome mom’ fica eternizada em doce memorias! Se Deus quiser! rs!
Adri xxx

Testemunho: Como parei de amamentar a noite!

‘Passeando’ de carrinho com o Mateus e pensando: meu ele dormiu yuppiiii rs quando eu chegar em casa vou encher minha cara de chocolate e acelarar no rendimento!

Ai chego em casa morrendo de cede, pego uma garrafinha de suco de acai e viro, pronto, escorre pelo canto da boca e minha blusa esta roxa…la vai eu gastar tempo trocanco de blusa! Isso que da fazer as coisas correndo! Mas tambem, quem e mae sabe o desembestamento da gente quando o bebe dorme. Voce so tem essa ‘brecha’  durante todo um dia, para fazer alguma coisa!

Tenho novidades!!! Parei de amamentar, a noite, antes dele dormir! Yes! Consegui!!! Sabem como? Assim:

4 dias atras, apos toda a rotina da hora de dormir: banho, leite, escova os dentes, historinha e tal, ele veio para mamar e eu disse: ‘Nao tem, o tete quebrou!’ Ele ficou uma fera, e comecou fazer pirraca e querer arrancar minha blusa, ai mostrei os tetes ‘quebrados’ para ele: passei ‘tapanade’ nos mamilos e quando ele viu meus tetes cheio de pedacicos de azeitonas verdes, pretas, tomates secos, aquele cheirao de azeite com pimentao…Ele ficou pasmo, pos a mao na boquinha tipo: Meu, que aconteceu com voces?! E, nem quis chegar perto, ficou na dele, foi no meu colo, dormiu…!

E assim acaba a minha saga! Esperar completar 18 meses que sai dos tetes sozinho? Nao deu certo! Passar losna, mostarda nos tetes? Nao, ele adora coisas amargas! Enfim, mais uma vez minha criatividade me salva!

Continuo amamentando de manha, porque na verdade, quem nao esta pronta para largar de vez…rs…sou eu!

Cada um na sua rs! Essa tem que ir para: Dicas de Doida! rs!

Adri xxx

 

 

Breastfeeding – pending!

A Brazilian friend in upstate NY: breastfeeding for one year, working full time, pumping and storing her milk at work. She is my hero! She has 2 girls and one husband 😉 Her girls now go to school and after school day-care. When they all get home, she has to cook dinner, together with her husband. Housekeeper? Are you kidding me?! No! The middle class, in the States, can neither afford to pay for a helper nor can they afford mothers to take a longer than 2 or 3 month maternity leave. This is America, USA, this isn’t Brazil and your mother does not live round the corner.

Another Brazilian friend in upstate NY: Scientist, two girls, breastfed until her children were 3-months-old. Why not longer? Because she went on unpaid maternity leave for 3 months, nowhere to pump or store milk. This is America, this is The USA. Would the world benefit from having more female scientists? Of course! Is there support for them once they become mothers? Not really, not here.

And one more Brazilian friend, in the Silicon Valley: scientist, also working full time in a well known and reputable company. When back to work – less than 3 months after giving birth, like many of us, got upset with the conditions within which she had to pump and store her milk. No dedicated fridge or room. Her next door colleague could hear her ‘pumping’…talk about being at ease to ensure milk flow! One day a guy  opens the fridge in their department and asks: What are those?! She responds:’ My milk.’ – Awkward moment.  She decides to speak up and strikes! The CTO of her company, a female, who breastfed her 3 children, was not aware that in their Silicon Valley plant, working mothers did not have a breastfeeding room or a fridge.  To cut a long story short, nowadays, all plants have breastfeeding facilities. Of course the whole process wasn’t that simple, but it was surely doable!

We should all speak up loud; but we are afraid, we want to keep our jobs. We actually need the income.

I want my girls to be free to choose their professions. I do not want them to have to think twice if they have a passion for science, engineering or any other profession in which still, in this century, men are more favoured than women. I remember growing up in Brazil, and my hard working mother, constantly telling us: ‘-You should be teachers, because it still is the best profession for women if you want to have children.’ Well, two of us became teachers and we do have an engineer sister! The engineer one, does pay her dues…but this is for another blog.

Companies have to have a breastfeeding room with a fridge, and excuse me…If you rank as a so called 1st world country you have to be able to afford at least 6-month-PAID maternity leave to your mothers!

Rest my case 😉

Adri xxx

Homemaker! Yes, I have a problem with that!

A traducao de homemaker e: dona de casa, mas ao pe da letra e: ‘fabricante de lar’. Ainda ontem essa palavra me apareceu de novo: homemaker. E eu tive que assinar embaixo, ou, em cima para ser mais precisa! Enfim, nao gosto dessa palavra, e um lance pessoal rs! Para que eu estudei 4 anos e o meu diploma diz: Professora de Portugues, Ingles e Latin ? – okay, me deem um desconto no portugues pois sai do Brasil aos 20 anos e ja se passaram mais 20!!

Nao sou ‘fabricante de lar’ ou dona de casa; bom, eu tenho uma casa no meu nome rs entao sou dona, mas em termos de fabricacao eu seria ‘childrenmaker’ rs ‘fabricante de criancas! Criancas lindas, inteligentes, grade A, rs!

Todas as vezes que tenho que preencher formularios essa palavrinha me persegue ‘homemaker’. Homemaker o caramba! Eu ralei na minha faculdade, trabalhando igual uma condenada durante o dia e estudando a noite e agora vem esse cara na minha casa, com os papeis todos bonitinhos preenchidinhos so para eu assinar acima do ‘homemaker’???? O que???? A minha vontade era de dar um soco na cara dele ou uma enforcadinha rs mas, como eu nao tinha muita opcao e nao queria ter que falar para o fulano refazer tudo de novo e marcar um outro dia para vir em casa eu com a mao se contorcendo, em espasmos, assinei meu nome acima do ‘homemaker’! Enquanto o titulo do meu marido pegava quase uma linha inteira e brilhava bem frente aos meus humildes olhos rsrs!

Ha muitas mulheres que nao se importam, que sao felizes sendo ‘homemakers’. Sei na propria pele que ser dona de casa e um  trabalho arduo mesmo, sem beneficios, salario, reconhecimento ou decimo terceiro! Isso sem falar sobre a tal aposentadoria!! Entao, da mesma forma que as ‘homemakers’, ‘housewives’, ‘donas de casas’ devem ser respeitadas com seus respectivos titulos, eu acredito que as ‘temps’ rs as ‘temporarias’ tambem devem!

O mocinho, faz favor de arrumar meu titulo ai!!!! Minha facu nao foi fruto da minha imaginacao nao, foi real!

Sabe do que mais, da proxima vez que eu for por exemplo, a um dentista e me derem a tal fichinha para preencher eu vou escrever assim no campo de ‘ocupation’: ‘Mermaid’! – Profissao: Sereia! – Minha filha, aos 5 aninhos, quando perguntavam o que ela seria quando crescer, sempre respondia: Uma sereia!

Ou talvez, preencherei o campo profissional assim: Top model –ninguem vai perceber..rs..- ou: Piscineira, ou: CEO Veres Corporation!

Mas, um bom mesmo seria: Clown! Palhaca! Imaginem a cara da pessoa lendo isso ou chegando em sua casa e contando, a mesa do jantar, a sua  familia: “Hoje atendi uma Palhaca’! – Viu, nao e muito mais interessante de que ‘Hoje atendi uma professora, ou uma ‘homemaker’?!

Criatividade e tudo minha gente! 🙂

Adri xxx

Amamentacao em acao!

Muitas mulheres me falaram que seus filhos pararam, sozinhos, com a amamentacao aos 18 meses de idade. Veja bem, estas ‘muitas mulheres’ sao mulheres que moram fora do Brasil.
Meu Mateus tem 18 meses e pelo jeito que vai, 18 anos sera ainda cedo para me largar! Amamentei minhas meninas, ate os 2 anos de idade, morando na Inglaterra. Meu terceirao aqui, vai pelo mesmo caminho…
Uma vez, conversando sobre amamentacao, ouvi de uma conhecida: ‘I find it too invasive, couldn’t do it!’ traduzindo: Achei que invade muito a minha privacidade, para mim, nao da!’
Tambem ja ouvi: meu leite nao era forte, meu leite nao era suficiente, nao tive leite . Ja dos medicos ingleses e americanos ouvi: ‘Nunca duvide de seu leite, e o melhor que voce pode dar para o seu bebe’.
Tanto nos EUA como na Inglaterra, temos as especialistas em amamentacao e creio que no Brasil tambem tem. E, claro, eu sempre acabei parando na sala delas com as dores mais horriveis possiveis e em estado lamentavel!
O primeiro mes da amamentacao e cruel para mim e para tantas outras!
Mama invertida? Sim! Dor? Muita! Ha remedio? Creio que nao; a tal pomadinha de lanolina dava uma ‘leve’ aliviada, somente isso. Entao foi:  aguentar a dor por um mes ou desistir. Se aguentar, tudo ficara bem! Se nao aguentar, tudo ficara bem, tambem! Nem todos os bebes sao amamentados. Claro, os que sao, eu acredito, tem suas grandes vantagens – melhor protecao contra eczema, asma, infeccoes de ouvido, garganta, e por ai vai!
Quando o Mateus nasceu, eu tinha muita esperanca que por ser o terceiro filho, eu nao sofreria tanto na amamentacao; sofri em triplo!  Sai do hospital e ja no dia seguinte, tive que retornar…nao suportava a dor nos mamilos e ele nao queria o seio esquerdo – este produzia bem menos leite que o direito – o que e normal no inicio, mas eu nao sabia! Os mamilos estavam machucados e incharam, a boquinha do Mateus era tao minuscula que ele nao conseguia ‘abocanhar’ o seio.
Para encurtar uma longa historia, entre varias especialistas em amamentacao me apalpando a torto e a direito e me ensinando varias posicoes para amamentar, eu voltei para casa assim: com uma bomba eletrica para tirar leite, alugada do hospital, e todo um sistema:
1. Tire leite
2. Coloque o leite num tubinho (proprio da bomba)
3. Conecte a mangueirinha no tubinho e o final do tubinho dentro da conchinha de silicone que esta protegendo seus mamilos.
4. Cole com um durex , a parte da mangueirinha proxima ao tubinho, a altura do seu ombro, ai fica pinduradinho…
5. Agora, que esta pronta, com a mangueirinha em volta do seu pescoco e o tubinho com seu leite pendurado no seu ombro…coloque o bebe para mamar e va apertando a borrachinha que vai soltando o leite para o tubinho, a medida que o bebe tambem vai sugando no bico de silicone…

Com tudo isso eu nem mais blusa usava, imagine entao sutia de amamentacao! Com toda aquela parafernalia??? Entao, bloqueei todas as minhas visitas, todos os amigos…Uma das minhas amigonas que conseguiu ‘furar a barreira’ rs ao me ver, chorou, disfarcadinha, mas chorou…

Eu, ‘comia’ pedras de gelo, a cada vez que comecava a dar de mamar, eu enfiava chocolate amargo na boca, eu nao sabia mais o que fazer, de tanta dor. Mas nao iria me dar por vencida, afinal ja havia amamentado duas e sabia que aquele sufoco iria passar…depois de um mes ou…6 semanas…aiaiaiaiai!
Passou, acabou, estou viva, e Mateus um touro!
Quis fazer esse ‘relato’ a voces porque a respeito de gravidez, parto e amamentacao ainda vemos muitas fantasias e tabus por ai. Para muitas de nos a gravidez nao e tao facil, o parto nao leva 10 minutinhos, tipo: voce grita o nene pula para fora e esta nos seus bracos mamando lindamente e feliz e voce la: uma pintura angelical com sorriso de mae placida!
Todas essas transformacoes podem ser bem dificeis para nos mulheres, mais do que  estejamos preparadas para aguentar. Mas voce e dona de seu corpo, voce tem o poder de decisao sobre o que e melhor e possivel para voce e seu bebe. Cada uma de nos tem seus limites e eles devem ser respeitados.
Tudo passa! Inclusive infancia…Hoje me descabelo porque meu filho, aquele que nao conseguia mamar… nao sai do seio, ou porque nao consigo fazer nem 1/3 do que preciso durante um dia…mas, amanha…ele cresce e um dia desaparece por esse mundao afora! E eu terei um montao de lembrancas doces e dolorosissimas rs!
O que quero que meus filhos saibam e que eu fiz o que pude, enquanto pude e que tomei as decisoes que, na epoca e nas circunstancias em que eu me encontrava, me pareciam ser as melhores!
Bjs!
Adri x

Bebe de 1 ano e meio…

Meu telefone toca em plena segunda de manha,  do outro lado da linha, minha vizinha e amiga:

_Oi, Adri, blablablablabla….ah, e ontem na missa, tinha uma mulher conversando comigo e chorando coitada, ela tambem tem um bebe de 1 aninho e meio e nao esta aguentando mais!! Entao, voce ve Adri, voce nao esta sozinha! rs

_Ah, fulana eu nem choro mais! Primeiro porque Mateus e meu terceiro filho e eu sei que chorar nao adianta nada, segundo porque nao tenho tempo muito menos lagrimas mais pra chorar kkkkk!- E faco uma pausa pois sei que algo vem…e vem:

-Entao, estou aqui estudando, tirei E na prova de estatistica, e nao vai dar tempo de pegar os meninos na escola, voce pode traze-los junto com sua menina e ficar com eles so ate eu chegar? Desculpa pedir isso pra voce, eu nao queria…

_Claro que posso, para de bobeira!

Bom, desligo o telefone e dai sim, eu quero chorar, chorar muito mesmo! Uns dias atras eu estava desabafando com essa amiga, que eu estou ficando completamente louca com o meu bebe de 1 ano e meio, que estou para morrer, que ele se enfia em tudo, que eu nao consigo fazer mais nada, e que preciso de um ‘break’!! E agora ela me liga, literalmente, para me dar mais 3 meninos?!?  Eu, naquela segundona estava como um zumbi e secretamente planejando dormir com meu bebe, a tarde. Nao precisaria buscar crianca na escola bem na hora do Mateus dormir, porque minha filha ja vem sozinha, caminhando com as amigas – 5 minutinhos, a pe, e aqui nao ha perigo!

Eu nao podia deixar a fulana na mao. Ela trabalha como enfermeira, voltou a estudar, tem 3 filhos pequenos.  Ela nao tem familia por perto , tal como eu…

Nao me interessa por que ela voltou a estudar agora, nao me comparo com ela, nao sou do tipo de mulher que julga, ou que acha que porque eu tive que pastar, ou sofrer, ou abdicar de certas coisas as outras tambem tem que comer o pao que o diabo amassou! Nao, nao, nao; isso nao e certo. Pelo contrario, voce ja passou por dificuldades diversas na sua jornada de mae, mulher, esposa, nao passou? Entao, por que nao ajudar, facilitar a vida de alguem que esta trilhando pelo mesmo caminho? Por que nao?

Pense nisso! E acabemos com a competicao, ‘mesquinhice’ rs e tudo que termina em ‘ice’ entre nos mulheres rs!

Mas que eu quase me joguei no chao e chorei, ah isso quase rsrsrs !

Adri xxx

Casou e mudou? Atitude e adaptabilidade!

Sabe aquela frase: ‘casou e mudou’?! Cade a fulana? Casou e mudou! Entao, para a mulher, funciona assim:

Voce se casa e teu marido e convidado a trabalhar na’ China’: voce? Voce foi ‘convidada’ a morar na China, sem salario, sem empregada, sem decimo terceiro; que na China nao tem dessas coisas! Mas, ‘bora’ descobrir as coisas boas da China!!!
Voce chega na China e se descabela, nao entende patavinas, nao conhece ninguem, mas aos poucos -se voce e uma pessoa equilibrada (!)- voce vai se adaptando e dai, quando menos espera…Seu marido e convidado a trabalhar em outro pais, e por ai vai, e voce se torna (ou nao) uma ‘trailing wife’!

Cada pais uma cultura, cada cultura, um choque, cada choque uma licao de vida. Tem filhos? Cada idade, uma fase, cada fase uma dificuldade diferente, os problemas crescem tal como eles! Quando bebes: colicas, febres, coco mole, coco duro, nao faz coco rs! Quando ‘toddlers’ o famoso ‘terrible 2’ que, com seus filhos comeca nos 18 meses e parece que vai ate os 18 anos!! Bobolescentes?! Nada esta bom, voce so os envergonha, ganhar ou dar-lhes beijinhos e abracos? Nem pensar!

Em meio a tudo isso, voce tera os seus ataques, suas crises, suas reclamacoes, seus choros! Mas, voce tambem tera seus dias de gloria! Aqueles em que voce em meio ao caos, consegue o impossivel: parar e olhar ao seu redor, com os bons olhos que Deus te deu e VER:

1.Como seus filhos sao lindos, perfeitos!

2.Como seu marido esta trabalhando duro! E, tentando do jeito masculino dele rs te ajudar!

3.Como a tua casa, zoneada, e maravilhosa!!! Tem vida, tem gente, tem comida, tem bebida! O resto: concreto, paredes, salas, quartos, armarios, seres inanimados, nao contam!

4.Como aquela amiga, familia ou aquela pessoa que voce conhece, ou, acabou de conhecer ja faz valer a pena voce estar aqui, nesse lugar estranho!

5.Como tem tantas pessoas nesse mundo que dariam tudo para estar no teu lugar, para ter os filhos que Deus te ’emprestou’ por um tempo, para estar num relacionamento amoroso solido, para ter um teto como voce tem!

E so quando conseguimos nos concentrar no tanto que temos e nao no pouco que nos falta que sentimos na alma o valor das nossas vidas, agora, nesse momento.

Curtam seus filhos, todas as fases, se descabelem, mas, voltem a si rapidinho e os beijem enquanto podem, rolem no chao com seus bebes, esquecam o po, a desordem, o quarto intransitavel dos seus adolescentes! Quando eles se forem, voce tera o maior tempo do mundo para limpar e arrumar…

Adri xxx

Festa de Aniversario :0

Minha primogenita faz um aninho, na Inglaterra, eu penso: bolo, brigadeiro, beijinhos, empadinhas, coxinhas, enfeites, sacolinhas surpresas, churrasco, e por ai vai…Aquela lembranca boa dos meus aniversarios, muitos brigadeiros, bolo gostoso, tias, tios, primos, opa!!! Esqueci de onde estava e das minhas circunstancias e acabei ‘entrando pelo cano’ direitinho! Ai vao os 3 pecados capitais de uma mae expatriada dando festona de aniversario a seus filhos:
Erro numero 1: Achar que so porque sua mae te deu as receitas, tudo vai dar certo! Voce, que mal sabia fritar ovo, quando saiu de sua casa, agora, so porque e mae, esta se achando!
Fiz tudo errado! O bolo nao deu certo, a tal folha de arroz borrou, beijinhos nem pensar, coxinha foi um grude na panela e ficou por isso mesmo, empadas passei longe e os convidados, Ingleses, chegando pontualmente enquanto eu ainda enrolava brigadeiro!

Erro numero 2: fiz convite sem horario de termino da festa, pois ao menos naquela epoca -13 anos atras- nem no Brasil se colocava horario do fim da festa. Ja na Inglaterra, sempre se colocou, mas eu nao quis fazer este ‘desfeite’ para meus pouquissimos amigos brasileiros os quais estariam na festa, entao deixei em aberto. Conclusao: nem havia partido o bolo e o povo Ingles debandando, pois tinham outros compromissos,  nao podiam ficar ao deus dara, dependendo da minha bondade, velocidade e semancol para agilizar no corte desse bendito bolo!

Erro numero 3: nao prestei muita atencao em mim…com tanta, tanta coisa para fazer, e ninguem para ajudar…acabei por vestir uma blusinha sem graca com uma legging super hiper estampada, simplesmente, horrivel! Claro que nao tenho nenhuma foto minha no aniversario de um ano da minha filha…elas sumiram, todas!rs!

Para minha sorte, os Ingleses sao bem tolerantes. Amaram o churrasco do meu marido, comeram o meu bolo desastrado, e entenderam a diferenca cultural gritante…mas, no brigadeiro, ninguem tocou, por que?!

Eu aprendi minha licao ate que rapidinho (depois desse intensivao!) e aos poucos fui fazendo amizades, entao tudo foi ficando mais facil.

Nao desisti das festas de aniversario estilo brasileiras – mas adaptei-as a  cultura do pais -, muito menos dos bolos feitos por mim! Celebrar o nascimento, cada ano de vida dos meus filhos e uma verdadeira dadiva. Entao, eu vou sim, do Oiapoque ao Chui, dou no em pingo d’agua, me viro em dez mas que a festa sai ela sai!!!

TARDIS cake

Doctor Who – Tardis cake! Nao esta la essas coisas, mas a criancada delirou! E o recheio foi de beijinho, estou ficando talentosa! Tambem, 13 anos de pratica 🙂

Festa de aniversario e um ‘stress’ mas o brilho nos olhos, o sorrisao dos filhos fazem a gente esquecer a enorme mao-de-obra e fazer tudo de novo, no ano que vem!

Bye!

Adri xxx